Yamazaki 55 anos é vendido a R$ 4.4 milhões e bate recorde de uísque japonês mais caro

Yamazaki 55 anos é vendida a R$ 4.4 milhões e bate recorde de uísque japonês mais caro. Foto: Divulgação

Qualquer pessoa que tenha prestado atenção ao mundo do uísque sabe que o mercado de leilões está enlouquecendo: nos últimos dois anos, vimos o recorde da garrafa mais cara quase dobrar, primeiro quebrando a marca de $ 1 milhão em 2018 antes de quase chegar aos US $ 2 milhões em outubro passado.

+ Mistério: jovem encontra moedas de ouro inestimáveis de 1.100 anos
+ Churrasco: Dicas de como limpar a grelha de uma forma fácil
+ Pela primeira vez o McDonald’s colocará seu molho especial secreto a venda
+ Caminhonete atinge grupo de 30 motociclistas e deixa três mortos em Pernambuco

E embora essas garrafas fossem de uísque escocês, o uísque japonês também viu seu valor disparar: em agosto passado, uma coleção japonesa de 54 garrafas foi vendida por US $ 917.000 – o dobro do preço de venda de quatro anos atrás.

Agora, o uísque japonês está de volta com um novo recorde de arregalar os olhos que pode sinalizar uma corrida sem precedentes no espírito. Na sexta-feira, na Bonhams Fine & Rare Wine and Whisky Sale em Hong Kong, uma única garrafa de 700 mililitros foi vendida por um novo preço recorde de $ 795.000 ou aproximadamente R$ 4.4 milhões, quebrando o recorde anterior de $ 475.000 estabelecido em março passado.

Ainda mais incrível, a garrafa – um single malt Yamazaki 55-Year-Old – só foi lançada em junho passado, durante uma edição limitada de 100 garrafas. (Só posso presumir que cerca de 99 outros proprietários de garrafas estavam observando cuidadosamente o resultado desta venda.)

Back to top